Luiz Netto

Aprenda o que você jamais deve fazer com o seu Ganesha

Luiz Netto

Luiz Netto

O Ganesha é um dos deuses centrais do hinduísmo. É a divindade sinônimo de prosperidade, de riqueza e sabedoria. O Ganesha tambèm está associado à inspiração, à criatividade e à remoção de obstáculos. Na ìndia, as pessoas que buscam prosperidade celebram e fazem oferendas ao deus Ganesha.

Hoje é muito comum encontramos lares e pessoas carregando uma imagem do deus Ganesha. Porém, é preciso saber tratá-la e cultuá-la da forma correta. Ou isso será visto como um desrespeito.

Por isso, neste texto trouxemos várias dicas do que não fazer com sua imagem de Ganesha. 

Manter o Ganesha de costas para a porta de entrada

 

A primeira coisa que devemos lembrar é que uma imagem de Ganesha serve de entrada para ancorar a energia dessa divindade. Por isso, a primeira coisa a evitar é ter sua imagem de costas para a entrada da sua casa.

O ideal é que toda imagem de Ganesha esteja sempre de frente a porta de entrada. Essa é a forma mais fácil e direta de entrar em contato com sua energia antes de entrar em casa. Assim, você estará saudando e entrando em contato com a sua vibração.

Se não for possível manter o seu Ganesha na sua porta de entrada, também é permitido deixá-lo em algum outro cômodo, como o seu quarto ou sala. O importante é que sempre você possa cumprimentá-lo de frente para receber sua energia. 

Mais ainda, é muito importante que o local em que você mantém o seu Ganesha simbolize um altar para o culto adequado à divindade. Organize um cantinho ou espaço especial para saudá-lo, fazer suas preces e oferendas.

Manter o Ganesha num altar sem qualquer limpeza

 

A segunda coisa importante é lembrar-se de sempre manter a sua imagem de Ganesha sempre limpa, sem o acúmulo de sujeiras e impurezas. Por isso, faça a higiene constante da sua imagem. 

Mantenha também sempre limpo o altar em que você mantém o seu Ganesha.  Lembre-se que ali é um lugar para a adoração de uma divindade, e não um lugar qualquer para ter só mais uma estátua. Portanto, é necessário ter cuidado e muito respeito com aquela imagem.

Manter a imagem quebrada ou remendada

 

A terceira recomendação é simples, mas também frequentemente ignorada. Se a sua imagem de Ganesha sofrer qualquer avaria, é essencial que você a troque, ou pelo menos busque fazer uma restauração completa e adequada. Você não vai querer expressar sua adoração a uma divindade mantendo uma imagem quebrada, suja e cheia de problemas.

Utilizar carne como oferenda

 

Nos momentos de rituais e oferendas, lembre-se que o hinduísmo não recomenda qualquer produto de origem animal. Por isso, ainda que você consuma produtos de origem animal, evite utilizá-los como oferenda no altar do seu Ganesha. Mantenha-o sempre em acordo com as crenças hindus.

Tocar a imagem alheia ou deixar tocarem a sua

 

Evite tocar outras imagens de Ganesha localizadas no alta de outras pessoas. Cada altar serve como um oferenda pessoal àquela divindade. Por isso, é necessário respeitar aquilo que cada pessoa oferece e não se “intrometer” na sua relação com ela. Do mesmo modo, também jamais permita que outras pessoas toquem sua imagem de Ganesha. Permita que olhem, comentem, mas jamais permita o toque constante e exagerado.

Respeitar cada uma dessas dicas o ajudará a criar uma melhor relação de adoração e admiração por essa divindade tão cultuada no Hinduísmo. Se você também busca viver segundo os princípios de Ganesha, guie-se por cada uma dessas dicas.

 

Gostou deste texto e gostaria de saber mais sobre como restaurar o equilíbrio energético do seu lar? Acompanhe nosso conteúdo em nossas redes sociais!

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on email